Home / Artigo / Cabo de rede – por que devo me importar mais?

Cabo de rede – por que devo me importar mais?

Principalmente nas conexões wireless, muitas pessoas acabam não dando importância em como esta conexão chega até o ponto de acesso (AP – Access Point). No entanto, além de todas as variáveis que podem afetar a conexão sem-fio, como já relatado em publicação anterior, um bom cabeamento até o ponto de acesso é extremamente importante, principalmente quando falamos sobre conexões Gigabit.

O cabo de rede ou cabo Ethernet é basicamente composto de 4 pares de fios de cobre (ou ao menos deveriam ser, fica para uma próxima publicação explicar os tipos de cabeamento). Para quem já viu um cabo desmontado ou fez a montagem das pontas, deve ter visto que ele tem um trançamento. É justamente neste ponto em que vejo mais erros no dia-a-dia. O trançamento serve justamente para evitar ruídos e interferências elétricas devido a proximidade, pois os cabos estão lado a lado. O detalhe que quero ressaltar nessa publicação é o padrão de crimpagem das pontas. Existem protocolos especificando a sequencia correta de crimpagem destes cabos.

Os padrões mais utilizados são o T-568A e T-568B, simplificando a nomenclatura para A e B. Estes padrões ditam a sequencia correta de montagem dos conetores para que a comunicação ocorra de maneira eficaz. Infelizmente vejo pessoas fazendo montagem de cabos fora do padrão, o que compromete o funcionamento e estabilidade da rede. Muitos problemas de rede são solucionados com a montagem dentro do padrão correto – que deve ser utilizado nas duas pontas, exceto em cabos crossover (cruzado) em que se utiliza o padrão A em uma ponta e B em outra para permitir que equipamentos iguais se comuniquem – exemplo: PC para PC.

Resumo: verifique sempre se o padrão do cabeamento segue a sequencia de cores exigida pelas normas TIA/EIA 568A e 568B, há muitas instalações em que se criam sequencias aleatórias, algo nada recomendado se você deseja estabilidade na sua rede. Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário ou mande mensagem.

About Edi Carlos

Escreve sobre tecnologia desde 2010. Aos trancos e barrancos, continua mantendo o site vivo...